Publicidade

Publicidade

24/03/2009 - 13:20

Valorize o seu – não cobice o futuro marido da próxima

Compartilhe: Twitter

Afinal, mais vale um pássaro na mão do que dois voando. Estou certo? É incrível como as pessoas têm um desejo absurdo de querer o que o outro tem. Seja bens materiais, seja manias, seja estilo… Seja namorado! Meninas, que coisa feia. Querer o carinha que sua amiga tá ficando é muito egoísmo da sua parte. Mas é inevitável: as coisas do próximo são sempre melhores. Ou pelo menos parecem ser.

Muitas garotas, na adolescência, tem mania de se apaixonar por um mesmo menino. Ele, todo garanhão, acaba se apaixonando pela sua amiga. E você nessa história? Arranja um menino também, é claro. Ou, sei lá, você já namorava alguém e agora a sua amiga também namora. Sem querer, o namorado dela é tão mais ‘romântico’, mais ‘atencioso’, mais ‘carinhoso’, mais ‘bonitinho’, mais-qualquer-coisa que o seu. Tá aí um grande erro do ser humano: não dar valor para o que tem.

É complicado explicar, mas quando a gente sabe que a pessoa gosta da gente, ela acaba perdendo o charme. Pois é, a gente gosta de viver em um processo de reconquista 24/7, gostamos de um pouco de insegurança e de certas balançadas no relacionamento. Se temos tudo perfeitinho, a pessoa que pedimos à Deus ao nosso lado, deixamos de reconhecer e valorizar. Com isso, o ‘da outra’ se torna a melhor coisa do mundo.

Durante toda a vida, passamos por escolhas. Quando o assunto é romance, nós nunca somos obrigados a ficar ao lado de alguém que não gostamos mais. Se você se interessa por outra pessoa e acha que o que tem para você não é o bastante, caia fora antes de se tornar infeliz. Muitas vezes, a gente acusa demais, mas não percebemos que o erro, na verdade, vive na gente.

Tem um namorado e ele te faz feliz? Isso basta. Muitas pessoas pagariam milhões para ter a sua vida… E você, já passou por algo assim? Comenta aí!

Autor: - Categoria(s): Relacionamentos Tags: , ,
Voltar ao topo