Publicidade

Publicidade

Arquivo de novembro, 2008

25/11/2008 - 11:56

Traí: melhor assumir ou esconder?

Compartilhe: Twitter

Começar a falar de traição é sempre complicado, já que eu sou totalmente contra. Dia destes, num tempo vago do serviço, conversei com uma amiga sobre o assunto e acabei soltando que “não acredito na traição”. Ela, direta, disse que “não acredita na fidelidade”. E aí, será que existe algum fiel no mundo?

Traição é um termo muito vago e pode ele pode ser visto de formas diferentes pelas pessoas. Existe a típica traição física – quando nos envolvemos com alguém durante um relacionamento – e a traição de ‘atos’ – quando fazemos algo escondido, pelas costas. Quando ficamos com outra pessoa enquanto namoramos,  geralmente, nos sentimos muito bem. A culpa é o que vem depois.  Traiu? Agora tem que ser forte para aguentar a pressão interna.

É o seguinte: quem com faca fere, com faca será ferido. Não adianta trair alguém pensando que você vai ficar de boa. Claro, a outra pessoa pode ser enganada para sempre, mas a briga pode vir de dentro de você mesmo. Dependendo do tipo de pessoa que você é, se você pular o muro, pode ficar se lamentando para sempre por isso. Afinal, eu acho que não é fácil ficar com outra pessoa enquanto você diz o tempo todo que gosta de outro. Depois da traição, as pessoas tendem a sentir culpa e, por isso, ficam ultra-românticas do nada. É quase que inevitável. O outro, que não é bobo e nem nada, vai perceber que tem algo errado rolando. Então, se você pretende trair, que faça com consciência, para depois não ficar toda cabisbaixa.

A minha dica é: não traia. Se for fazer isso, se coloque no lugar da pessoa antes. Caso precise muito beijar um qualquer, então dê um tempo na relação antes. É errado, de qualquer forma, porém honesto.

Existem, por outro lado, aqueles que não aguentam a culpa e falam a verdade. O que eu acho justo. Se você errou uma vez, pelo menos seja honesta para contar a verdade. Pode ser dolorido demais para a outra pessoa, mas a verdade sempre aparece e a mentira tem perna curta, sem querer – e acredite, sem querer mesmo – você vai cair na própria história e acabar deixando algo escapar. Daí a briga é sempre maior. Se você jogar a real para a pessoa, pode ser que ainda role um perdão, uma conversa sincera e que os dois tentam se acertar.

O que eu realmente não entendo é porque ficar junto se você já sabe que vai trair? Para que dar esperanças de vida compartilhada á alguém se você vai ser infiel e fazê-lo infeliz futuramente? Quer aproveitar a vida sexual e ficar com outros? Então não namore, não iluda, os sentimentos não são qualquer coisa, eles são raros e pessoais demais para você tomar a liberdade de brincar.

E você, já traiu alguém e contou? Como foi? Ou já traiu alguém e escondeu normalmente?

Autor: - Categoria(s): Relacionamentos, Traição Tags: , , , ,
21/11/2008 - 08:10

A hora de avançar o sinal

Compartilhe: Twitter

Muita gente ainda acredita que nós, os meninos, somos os tarados que logo no primeiro beijo já vamos tentando passar nossas mãos bobas em lugares que não devemos. Nanana, hoje em dia as coisas mudaram um pouco e os meninos, para não ficarem com fama de cachorrões, andam economizando nos avanços. É assim que as coisas funcionam, quando a gente perde, a gente sente falta. Neste caso, as meninas andaram reclamando dos seus namorados “lerdinhos”, que não fazem nada além de beijos e abraços.

“Tenho um namorado que não faz nada. Ele não se toca nunca. Eu o levo para o meu quarto, tranco a porta e começo a me esfregar nele e ele não sai do beijo e dos carinhos em minha cabeça. Eu já tentei de tudo, até que me enfezei e fiz ele ir embora. Ficou uma situação meio chata, sabe? Será que ele não me quer mais”. Ariane, 16 anos.

Acredite se quiser, mas as mulheres, apesar de reclamarem, gostam de quando a gente é safadinho. O que está rolando hoje em dia é que muitos meninos estão meio “lerdos”, daí as meninas ficam complexadas, achando que o problema é com elas, que eles não sentem atração por elas e todas estas coisas. Então por que não pedir? Pois é, ninguém precisa ter vergonha de pedir uma coisa destas, quando o relacionamento já é de tempo. Se vocês têm intimidade o bastante, basta conversar para entrar em um acordo.

Acontece que os meninos esperam por uma ‘permissão’. Alguns, mais saidinhos, utilizam da tentativa e erro para conseguirem o que quer. Outros, que são mais tímidos, esperam que a menina dê alguma brecha para eles avançarem o sinal. Caso o seu garoto seja um destes tímidos e você quer algo a mais, a forma mais direta e funcional de conseguir isto é liderando a parada.

Faça o seguinte: com as suas mãos, arraste as mãos dele pra onde você queira. Assim, além de ter o total controle da situação, você dará liberdade para o garoto começar a ousar um pouco mais na relação.

Autor: - Categoria(s): Relacionamentos Tags: , , ,
11/11/2008 - 14:59

Estou apaixonada, amando ou gostando dele?

Compartilhe: Twitter

Alguém já parou para contar quantas vezes a gente diz “eu te amo” em um dia? Se você começar a prestar atenção, vai reparar que para se despedir de alguém na internet, acaba soltando a frase. Eu acredito que aqui no Brasil as pessoas esqueceram o que é realmente o amor. Afinal, você já viu nos seriados americanos o impacto que um “I Love You” causa? Nós andamos tão desacostumados que, quando vemos o amor sendo tratado com tanto valor e peso, acabamos fazendo chacota das outras pessoas. E você por um acaso sabe o que é estar apaixonada, amando ou gostando de um menino?

Bom, como você já deve imaginar, são três situações extremamente diferentes. Gostar de alguém é o sentimento básico. Eu gosto daquela pessoa, eu gosto de um primo, eu gosto de uma amiga, eu gosto do meu cachorro. Gostar é sentir afeição, carinho, ter prazer em ficar junto. Mas é um sentimento muito vago, amplo. É básico: ou você gosta ou não gosta. Funciona com as pessoas do mesmo jeito que funciona com os seus presentes de Natal.

Estar apaixonada é um passo acima de gostar. Na verdade, são muitos passos. A paixão é aquela coisa fumegante e efêmera, que vem com tudo e vai embora do nada, sem você ao menos perceber. Quer um exemplo? O garoto do colégio. Sabe quando você fica doidinha por um menino e, quando consegue, o fogo abaixa? Então, é exatamente isso que acontece quando você está apaixonada. A relação pode durar um tempo e até vir a se tornar amor. Mas o que caracteriza a paixão é a força e o tempo.

O amor é um dos sentimentos mais complexos que existe no mundo. Ele não é que nem a paixão, que pode durar uma noite ou alguns dias. O amor é aquela coisa estranha que chega e te prende pra sempre, que faz você passar anos ao lado de uma pessoa simplesmente por ela existir, é quando você fica feliz por qualquer ato que o outro realiza, qualquer avanço, quando o coração fica maluco só de saber que você irá ver quem gosta em instantes, quando você acorda pensando na roupa que irá usar para ver o seu amado, quando você fica disposto a passar a vida inteira ao lado de alguém.

Muita gente desvaloriza demais o amor e faz com que ele pareça um sentimento bobo. Eu acredito que a gente só sabe que está amando quando a gente vive. Logo…

E você, já ficou apaixonada ou amando alguém?


Cena de “The O.C.”, quando Marissa diz para Ryan que o ama e ele responde com um “Obrigado”

Autor: - Categoria(s): Situações Tags: , , , ,
05/11/2008 - 08:16

Por que um anel de pureza se nem a minha tataravó casou virgem?

Compartilhe: Twitter

Há alguns meses, surgiu uma nova febre entre os adolescentes. Não era algo relacionado com a moda (diretamente), nem com a música (diretamente) e nem com a alimentação. Pois bem, algumas estrelas da Disney, como o trio Jonas Brothers, a jovem Miley Cyrus (ou Hannah Montana, como quiser) e Selena Gomez, apareceram por aí usando um anel ‘da pureza’, que não permite o sexo antes do casamento. Como todo fã, muitas pessoas aderiam à onda e começaram a seguir os ideais dos ídolos. O resultado? Uma juventude que busca a inocência e é, sexualmente falando, inferior à do ano passado, por exemplo.

No Orkut já existem várias comunidades que idolatram os ídolos teens pelas suas atitudes exemplares. Quem deve adorar a moda, na verdade, são as mães. Pois eu acho que a “brincadeira” é bem legal. Parece que alguns jovens resolveram se preservar até encontrar a pessoa amada e, de certa forma, nasce daí ‘uma nova religião’. Mas tudo tem o seu lado bom e o seu lado ruim…

O bom é que…

Para a ciência, a sociologia, a população e quem mais se encaixar neste quadro, uma boa notícia: chega de gravidez precoce. Todos os dias a gente se surpreende com notícias de que garotas de 13 anos estão engravidando. Criança cuidando de criança não dá certo, né? Os anéis da pureza evitam este fato, a não ser que alguém case com esta idade.

Falando um pouco sério agora, são estes incentivos e ‘mobilizações’ que ilustram a preocupação dos jovens atualmente. Sei lá se é por moda ou só porque os ídolos fazem, mas o que importa é que lá no fundo está sendo criado algum tipo de opinião, de formação e de sensibilidade. Se as pessoas acham piegas esta história de sexo só depois do casamento, saibam que, pra muita gente, esta é a alternativa correta. Com essas mudanças – que têm um peso gigante na vida inteira da pessoa – a gente pode ver que as mulheres estão se dando mais valor e os relacionamentos deixam de ser ‘só de uma noite’.

O ruim é que…

Muitas vezes a gente acaba acreditando no que vê e só. Vai saber se estes ídolos fazem o que mostram. Afinal, a Miley Cyrus não é uma das melhores pessoas para dar exemplos sexuais, né? A questão é que você tem que pensar no seu futuro também. Será que, mais pra frente, você não vai acabar se arrependendo deste tempo ‘de castidade’? De resto, acho que não há muita coisa ruim não. O que é importante é respeitar a opinião dos outros, afinal, a gente vive numa sociedade “moderna”, onde tudo é “liberal” e as pessoas podem criar um “preconceito” sobre você.

Estranho isso, né?

Agora vem cá: e aliança de namoro, não é um anel de pureza também? Claro que algumas “purezas” são quebradas, mas pensa bem, a gente não se priva de muitas coisas quando usamos uma por amar alguém? Cadê o anel do amor?

E você, usaria um anel de pureza igual ao dos Jonas Brothers?

Autor: - Categoria(s): Relacionamentos Tags: , , , , ,
Voltar ao topo