Publicidade

Publicidade
19/08/2008 - 12:28

E quando o sexo se torna a prioridade?

Compartilhe: Twitter

“Ele é supeeeer fofo comigo, mas tem vezes que eu gostaria de ir para o cinema, comprar uma pipoca e realmente assistir o filme junto com ele. Ele me chama para a casa dele depois da aula, quando os pais dele não estão em casa, mas nem sempre eu topo, tenho medo da nossa relação se resumir somente a isso e todo o romantismo ficar de lado”.

A frase acima é de uma leitora do blog, que mandou um e-mail ontem de noite – momentos antes de eu decidir o que iria escrever aqui hoje – com uma dúvida que, bem, não é só dela. Sexo é bom, fato. Mas é difícil lidar com o assunto quando estamos na adolescência ou quando acabamos de descobrir o ato. Ontem mesmo eu me peguei pensando como que tudo gira em torno do sexo e como a indústria pornô enriquece. As músicas, as histórias, os programas de televisão, os filmes e até as séries infantis. Hoje em dia, tudo tem que receber uma pitadinha de sexualidade para funcionar. Até aqui, no iBoy, dá pra sentir que o pessoal participa mais quando o assunto é esse. A questão é: o sexo é o que movimenta um relacionamento?

Dia sim, dia não

Não existe um tempo ideal para fazer sexo, nem a quantidade mais bacana ou os dias que se deve praticá-lo. Há dias em que estamos meio jururus e queremos ficar quietinhos, ir ao cinema, jantar juntinhos e ficar só no chamego, com carinhos e beijos. Mas há alguns dias em que acordamos com tudo em cima. O problema do sexo é que, de tão gostoso, vicia. Muita gente peca em um ponto crucial no relacionamento, deixar o sexo ficar acima de todo o resto que é legal fazer a dois. Não é errado, de forma alguma, querer fazer amor todos os dias. Mas eu acho que tem que ter um limite, um bom senso e respeito. Nunca – nunca mesmo – o parceiro deve achar que o namoro é só sexo.

Para quem acha que está sozinha nessa, como a leitora que me mandou o e-mail, saiba que não. Quase todo mundo acaba passando por essa fase em um relacionamento. Tem gente que não vive no mesmo timing, que passa por alguns problemas em certa época da vida e acaba deixando o sexo para depois, como eu já disse aqui. Enquanto isso, o outro pode estar numa fase muito boa e, por isso, acaba deixando de lado as preocupações do parceiro e prioriza o sexo. E o pior: se o outro é sincero e diz que não vai rolar, começa a rolar toda uma paranóia de que o tesão se foi.

E o tesão, foi mesmo?

Não. É o seguinte, pense em antigamente, quando você ainda era virgem e ficava de casinhos com as pessoas do colégio. O sexo era obrigatório? Você não sentia atração pela pessoa mesmo sem ele? Pois bem, o tesão do seu parceiro não foi embora caso ele recuse o sexo. Você continua sendo atraente para ele e ele continua te achando linda – talvez mais do que nunca.

Uma frase que eu lembro até hoje é de uma amiga, que me falou que “existem coisas bem mais legais para se fazer a dois do que sexo o tempo todo”. Eu, que vivo num mundo distante e tenho a cabeça no céu, só percebi que isso é a mais pura verdade quando consegui ver a forma que a pessoa que eu amo me acalma.

Com sexo ou sem, a parte mais gostosa de qualquer relacionamento é deixar a sua vida ser compartilhada e misturada com a de outra pessoa.

Autor: - Categoria(s): Relacionamentos Tags: , , ,

Ver todas as notas

52 comentários para “E quando o sexo se torna a prioridade?”

  1. elio disse:

    Acho que um casamento sem sexo não dá, sexo é alma do relacionamento

  2. Pati disse:

    Adorei a matéria! No meu antigo namoro o sexo tbm virou
    prioridade! E resultado: ele acabou me traindo!
    Mais até hoje corre atrás de mim!
    Hoje jah estou em outro relacionamento, e agora sei separar
    e fazer com que o sexo e as outras prioridades andem
    lado a lado!

    Abraços!

  3. Carol disse:

    Legal td mundo fala q não o sexo não dever ser prioridade, deve existir amor… mas muuuuiiiita gente anda c/ o guia de bolso do kama sutra e vai p/ balada querendo arrastar alguém p/ cama ou logo q começa o namoro começa a forçar o sexo enfim logo ele acaba se tornando prioridade para o namoro fluir as mil maravilhas. enfim vcs falam falam mais… o sexo está sempre lá no topo da lista de prioridades…

  4. iza disse:

    É mt chato, meu ex namorado chegava perto de mim abraçando, beijando mas nao aquele carinhoso de xamego e sim ja querendo sexo, imediatamente f tomando raiva disse e evitando deitar no sofá c ele, qd ele deitava eu ia ler um livro, fazer unha, enrrolar o cabe qualquer coisa p evitar o contato, ou quando faziamos eu sentia raiva, carinho nem pensar..
    Sabe q eu sentia falta de sexo, amor, carinho, th a coragem de sentir desejo por qualquer outro homem, nossa! qts vzs chorei por desejar sexo, mas c ele eu n sentia nada X nada.
    Acabei entrando numa sala de papo, conheçi um homem 12 anos mais velho q eu, ficamos amigos e nos gostamos mt, vamos nos conheçer, mas c certeza me mansturbo mt pensando nele, so de ouvir a voz dele fico loca. Meu deus cm explicar estas coisas?
    Um homem lendo pode n entender, mas vc precisa entender sua parceira, pl menos tente.

  5. iza disse:

    ela fc puto da vida e reclama q nao d atenção, faço de conta q n to escutando.

  6. iza disse:

    WAGNER AMEI SEU COMENTÁRIO, CONCORDO C TD Q VC DISSE. TOMARA Q OS HOMENS LEIA ESSA MATÉRIA.

  7. juliana disse:

    eu estava passando por isso igualzinho, quando li a pergunta da leitora pensei q era eu quem tinha escrito e descobri q não era a única assim eu mostrei essa matéria ao meu namorado, ele entendeu e pela primeira vez a gnt saiu junto, ele continua carinhoso e quando eu falo:pára! ele pára =] caio vc é o melhor!! sempre me ajudando.. parabéns pelo seu trabalho!

  8. Gabii =) disse:

    transo com meu namorado tdo diia =/
    as vezes penso: “hje naaum..to afim de assisti um filmee durmi abraçadinhu”

    mas não daaá !
    Ele veem, e eu acabo cedendo, sabee ?
    ele eh mto fofoo, mas acho qi a gente nem faz mais AMOR !!

    ;x
    AGUARDANDO uma ajuuda, pleaasee

  9. Larovisk" disse:

    Fala sério que pornográfiaa! Koaskaoksoaa”” Bundão

  10. SAMARA CAROLINE FERREIRA COSTA disse:

    olá tenho 17 anos,e ja tenho 3 filhos,sou uma garota viciada em sexo,gosto d+++
    quando fico alguns dias sem transar,falto morrer,gostaria muito de saber se isso é doença.obrigada

  11. A ganancia do dinheiro, esta destruindo o nosso Planeta.Não deixamos pelo menos,destruir a nossa MORAL,temos mãe, irmã , filhos,e familia,Devemos ter em mente, que Jeova Deus criou o sexo, so´para os casais, Lançar nossa flores ,que são nossos filhos,com tinuar nossas herarquia.

  12. Thuty disse:

    É claro que o sexo faz parte das relações humanas desde que o mundo é mundo, mas ele também pode ser, e é, parte do envolvimento com uma pessoa além da questão biológica. Porém, parece que já esqueceram um tantinha que tudo que é demais enjoa depois de um tempo, não pode ser diferente no quesito sexo.
    Nesse ponto, sendo “careta” ou não, sou a favor de não se deixar levar pelo outro, por mais que gostemos bastante dele. E uma atitude forçada só tem um resultado: fracasso total. Por isso, o melhor é quando acontece justamente num clima legal, num lugar tranquilo (bem longe dos pais) e com aquele cara que nos poe lá em cima. Mas, principalmente, quando sabemos que levaremos em consideração que a realção vai sim mudar, que terá um tempero a mais e que pensaremos muito nisso de vez em quando rs.. Ou seja, arcaremos com as consequencias e com o nervosismo na hora H!
    Já namorei um rapaz que só queria sexo (eu, virgem), daí abri o jogo com ele, disse que não queria e ponto. Hoje, me arrependeria se tivesse feito.

Os comentários do texto estão encerrados.

Voltar ao topo